Argentina suspende exportações de carne bovina por 30 dias - HARAMAQ - Indústria de Máquinas AgrícolasHARAMAQ – Indústria de Máquinas Agrícolas

Sertão - RS - Brasil
PRODUTOS

Conheça nossa linha completa

VÍDEOS

Confira nossos conteúdos

BLOG

19 de maio de 2021

Argentina suspende exportações de carne bovina por 30 dias

Argentina suspende exportações de carne bovina por 30 dias - HaramaQ

Considerado o quarto maior exportador mundial de carne bovina, a Argentina suspendeu as exportações do produto por 30 dias, enquanto define medidas de emergência para frear o aumento do preço no mercado interno, anunciou o governo. Só em abril, a carne bovina subiu mais de 60%.

A decisão foi comunicada pelo presidente Alberto Fernández aos representantes do setor exportador de carne, durante um encontro na Casa Rosada, sede do governo. O presidente afirmou que a questão da carne saiu do controle, isso porque o preço sobe mês a mês sem justificativa.

A medida vai favorecer o produtor de carne brasileiro, visto que a tendência é que, com a pausa das exportações argentina, a busca por carne brasileira aumente, contribuindo para o crescimento do setor.

Exportações em queda

A Argentina tem uma das inflações mais elevadas do mundo. Em abril, o índice atingiu 4,1% e acumulou alta de 17,6% nos primeiros quatro meses do ano, de acordo com o Indec. A carne pressionou o índice. Diferentes cortes de carne bovina aumentaram 65,3% em abril em comparação ao mesmo mês em 2020, segundo o Instituto de Promoção da Carne Bovina Argentina (Ipcva).

A alta nos preços acompanha a queda nas exportações. No ano passado, as vendas de carne e couro bovinos para o exterior alcançaram US$ 3,368 bilhões, recuo de 16,5% na comparação com 2019.

A Argentina vem arrastando há anos uma recessão com alta na inflação. Ela foi agravada pela pandemia do coronavírus e levou a pobreza a 42% da população. Especialistas esperam inflação próxima a 47% neste ano, puxada principalmente pela alta nos preços dos alimentos.

As exportações agrícolas representam a maior fonte de divisas do país, que fica atrás de Brasil, Austrália e Índia no ranking mundial de exportação de carne, de acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos.

As principais associações agrícolas da Argentina anunciaram uma paralisação de nove dias na comercialização de gado em protesto contra a suspensão das exportações. Em protesto, os produtores de carne argentinos anunciaram uma interrupção da comercialização de seus produtos a partir de zero hora de quinta-feira, 20.

Fonte: O Globo

Leia mais notícias: clique aqui.

Suporte Técnico

Entre em contato conosco






Copyright - Todos os direitos reservados
Open chat