Boi gordo: indicador do Cepea chega a R$ 320 - HaramaQHARAMAQ – Indústria de Máquinas Agrícolas

Sertão - RS - Brasil
PRODUTOS

Conheça nossa linha completa

VÍDEOS

Confira nossos conteúdos

BLOG

16 de abril de 2021

Boi gordo: indicador do Cepea chega a R$ 320 pela primeira vez na história

Boi gordo: indicador do Cepea chega a R$ 320 pela primeira vez na história

A cotação da arroba do Boi Gordo quebra mais um recorde histórico e movimenta o mercado agrícola mais uma vez.

O indicador do boi gordo do Cepea teve um dia de alta dos preços e chegou a marca de R$ 320 por arroba pela primeira vez na história.  Desta forma, a cotação variou 1,04% em relação ao dia anterior e passou de R$ 316,7 para R$ 320 por arroba. Sendo assim, no acumulado do ano, o indicador valorizou 19,78%. Ou seja, em 12 meses, os preços alcançaram 60,72% de alta.

Além disso, no mercado futuro, os contratos do boi gordo negociados na B3 voltaram a recuar. O vencimento para abril passou de R$ 314,25 para R$ 312,75, o para maio foi de R$ 309,65 para R$ 306,75 e o para outubro, de R$ 326,4 para R$ 326,4 por arroba.

Mercado Físico do Boi

O mercado físico de boi gordo registrou preços estáveis nesta quinta-feira, 15. Segundo a Safras & Mercado, os preços do boi gordo não caem de forma consistente apesar da melhor fluidez dos negócios durante a semana.

Do ponto de vista da demanda doméstica de carne bovina o saldo foi bastante positivo ao longo da primeira quinzena do mês, com um movimento de alta consistente no atacado, com destaque para o corte dianteiro e para a ponta de agulha. Além disso, é preciso ressaltar o bom desempenho das exportações com o câmbio oferecendo elevada competitividade a carne bovina brasileira. A China segue como relevante diferencial, absorvendo bons volumes de carne brasileira.

No mercado atacadista, os preços da carne bovina ficaram estáveis. Os preços se acomodaram em um período que conta com menor apelo ao consumo. A principal concorrente para a carne bovina ainda é a carne de frango, a mais acessível dentre as proteínas de origem animal, que conta com a predileção do consumidor médio em um momento de dificuldades macroeconômicas.

Fonte: Canal Rural

Leia mais notícias: clique aqui.

Suporte Técnico

Entre em contato conosco






Copyright - Todos os direitos reservados
Open chat